Uma das grandes dificuldades encontradas por muitos empresários de vários segmentos é saber fazer uma gestão de custos eficiente para o seu negócio. E com razão, pois todo sucesso financeiro, começa com um bom controle de custos, não é mesmo?

Por que a gestão de custos é importante para uma empresa

Calcular de forma correta o preço de seus produtos ou serviços é o que irá definir seus ganhos, ou seja, um preço de venda mais equilibrado será a base para que seu negócio possa prosperar no mercado.

Uma boa gestão de custos é o diferencial que sua empresa possui para descobrir se o seu preço de venda será o suficiente para cobrir todos os seus custos, como despesas fixas e variáveis, e ainda, gerar o lucro que se espera. 

Como definir o preço de venda de um produto ou serviço

Para definir o preço de venda deve-se levar em consideração, primeiramente, não somente aspectos financeiros, mas também mercadológicos.

Em relação ao aspecto financeiro, o preço de venda dos seus produtos ou serviços deve ser o suficiente para pagar todas as despesas fixas como salários, encargos sociais, manutenção de equipamento, água, luz, telefone, pró-labore, etc., além dos custos variáveis, como contratação de mão de obra temporária, matéria-prima, comissões, horas extras, dentre outros.  

Já de acordo com o aspecto mercadológico, o seu preço de venda não deve ser dissonante ao do seu mercado, isto é, o preço aplicado deve estar de acordo com a concorrência. Caso esteja muito distante da realidade, deve-se repensar o preço aplicado em seus produtos ou serviços, para que assim, sua empresa não acabe perdendo espaço. 

Os principais pontos do aspecto mercadológico levam em consideração o conhecimento e tempo da marca no mercado, volume de vendas, logística, entre outros aspectos fundamentais para o sucesso do seu negócio. 

Principal Método de cálculo para definir o preço de vendas

Nesse artigo, usaremos o conceito de Markup para ajudar a definir o preço de venda do seu produto ou serviço.

O que é Markup?

Markup é um índice praticado sobre o custo de um produto ou serviço para se chegar ao preço de vendas dos mesmos. Ele se baseia no conceito de preço margem, ou seja, ao custo unitário de um determinado produto ou serviço é acrescentada uma margem de lucro, chegando-se assim, ao preço final de venda.    

Como é feito o cálculo do Markup?

Para se chegar a um determinado preço de venda devem ser feitos dois cálculos: do Markup Divisor e do Markup Multiplicador.

Vejamos um exemplo:

  • Markup Divisor

Considere que você tenha comprado um produto para sua empresa, como um calçado, por exemplo, por R$ 100,00, portanto, esse será seu preço de custo. O valor gasto com impostos sobre a venda é de 14%, as comissões são de 2%, despesas 5% e o lucro esperado seja de 15%.  

 O cálculo portanto, fica da seguinte forma:  

PV (preço de venda)= 100 %

valor dos impostos + comissão+ despesas+ lucro esperado= CTV (custo total de venda)

 Assim: 14% + 2% + 5% + 15% = 36 %

 MKD (Markup divisor) = PV-CTV/100

MKD: 100-36/100= 0,64

Agora por meio do MKD podemos fazer o cálculo de venda.

PV (preço de venda)= PC ( preço de custo) / MKD

PV: R$100,00/0,64= 156, 25

Portanto, o valor de R$ 156,25 deverá pagar todo o gasto e ainda gerar o lucro esperado.  

  • Markup Multiplicador

Para calcularmos o Markup Multiplicador precisaremos ter calculado antes o Markup Divisor, como já foi feito.

Assim:

MKM= 1/MKD

MKM = 1/0, 64= 1,5625

Logo, o preço de venda fica da seguinte forma:

 PV=PC X MKM

PV= R$ 100,00 X 1,5625= R$ 156, 25

Como deu para perceber o nosso preço de venda ideal será de R$156,25.  

Como podemos ver, os cálculos são fundamentais para que seja feita uma gestão de custos correta, podendo assim definir de forma eficiente o preço de venda de seus produtos ou serviços.

Esse artigo foi útil? Então deixe aqui seu comentário!